Translate

Pesquise no blog

5 de dez de 2012

AÇÃO E REAÇÃO


No universo tudo é cíclico. 

Existe tempo para tudo, o momento certo de cada coisa. Mas tudo vai e vem, nasce e morre, levanta e cai, clareia e escurece, esquenta e esfria.

Para toda ação há uma reação, por isso, você não é vitima de nada. Tudo que você está colhendo em sua vida hoje é resultado do que plantou no passado. 

O pensamento é quem cria ou transforma a sua realidade. 

Os pensamentos são geradores de espírito. Se você souber moldá-lo positivamente, também vai moldar um futuro positivo.

Você co-cria o futuro o tempo todo. A sua forma de reagir à vida e aos acontecimentos podem alterá-lo a todo instante.

Você é o maior mestre da sua existência e responsável por sua evolução. As pessoas mais sábias que existem ao nosso redor podem nos ajudar a compreender melhor nossos papeis, no entanto, jamais executá-los por nós.

Todos temos a capacidade de influenciar o psiquismo de qualquer lugar e qualquer pessoa. 

Quando irradiamos uma intenção positiva, conscientemente podemos influenciar multidões a agirem da mesma forma.


Agindo assim, passamos a ser colaboradores de Deus no processo evolutivo. E isso é se tornar um ótimo exemplo para a humanidade.

Todo pensamento, emoção e sentimento geram uma energia. A questão da polaridade ser positiva ou negativa é uma escolha de cada um.

A busca diária e consciente por um estado de espírito elevado é um dos pontos mais importantes desse processo. Requer disciplina e dedicação, mas pode ser conquistado de muitas formas diferentes e assimilado de maneira natural, sem complicações.

Desenvolver a espiritualidade é assumir e cumprir compromissos com a nossa própria essência. 

Se você não encontrar tempo para a sua evolução, inegavelmente vai se tornar solo fértil para desequilíbrios de qualquer ordem por simples negligencia.

A busca pelo desenvolvimento da espiritualidade nunca termina. Pelo amor ou pela dor, um dia, em algum momento, você vai se render à necessidade de buscá-la. Comece o quanto antes, isso facilita as coisas e torna a vida mais prazerosa.

“Orai e vigiai” é um dos instrumentos mais importantes nessa busca.

Manifesta a necessidade que temos  de cuidar com atenção de todas as coisas que produzimos em nossos pensamentos, tendo a consciência de qual tipo de energia estamos gerando para o universo e para nós mesmos, que, por conseqüência, poderá aproximar acontecimentos da mesma freqüência.

Somos eternos responsáveis. “Não faça para o seu próximo aquilo que não quer que lhe façam.”

As respostas aos nossos anseios estão dentre de nós mesmos. Precisamos aprender a buscar no nosso interior, evitando assim a busca desenfreada e iludida por soluções e respostas no mundo externo.

O livre-arbítrio é uma ferramenta que deve ser utilizada com sabedoria. 

A liberdade existe, a reação também. Pense sempre que todos os atos geram conseqüências. Atos positivos, conseqüências também positivas. O inverso obedece à mesma lei.

Você tem uma missão a ser realizada nessa existência e precisa se alinhar a ela. Não dá para achar que o nosso único propósito aqui na Terra é apenas trabalhar, sobreviver e pagar as contas. Temos que evoluir e isso significa muito mais que defender apenas os interesses do mundo material.

A solução dos seus problemas não esta em outra pessoa. As pessoas ao seu redor podem ser gatilhos de sua evolução, bem como amparos nessa jornada, jamais salvadores, tampouco culpados por nada.

A gratidão e meditação (oração) são exercícios diários para manter qualquer pessoa em contato direto com os planos superiores e os melhores níveis de vibração. Se você não aprender a ser grato pelo que tem, jamais vai conseguir conquistar sucesso, paz e saúde.

Aprenda a se alimentar das coisas simples da vida, compreenda a essência da sua existência e livre-se da miopia consciencial e do egoísmo. O apego e o materialismo excessivo escravizam, pois tornam as pessoas dependentes umas das outras e de coisas materiais.

Seu corpo físico não é tudo! Somos constituídos de uma essência transcendente a essa casca densa. Não deixe de cuidar com carinho e atenção do seu corpo, mas ele é apenas um dos pés de uma cadeira. Não se iluda com as aparências.

No mundo físico, Issac Newton, formulou a 3ª lei na mecânica, que declara: "toda força impulsionada numa determinada direção, gera outra força , de igual intensidade em sentido contrário". Esta lei física, costuma ser designada como lei de ação e reação e governa também "relações espirituais".

Dessa forma, pensamento, vontade e atos, são forças que lançamos, as quais devem dar origem a forças em sentido contrário, isto é, ao "choque de retorno". Este retorno recairá sobre aquele que gerou a perturbação no ambiente com sua atuação desatinada; ou virão de volta alegria e paz, se o bem partiu dele. "Toda ação ou movimento deriva de causa ou impulsos anteriores" (André Luiz). A ação do mal pode ser rápida, mas ninguém sabe quanto tempo exigirá o serviço de reação, indispensável ao restabelecimento da harmonia quebrada pôr nossas atitudes contrárias ao bem. Nossas ligações com a retaguarda continuam firmes; ninguém avança para a frente sem pagar as dívidas contraídas...

Jesus fez várias referências à lei de causa e efeito nas suas lições, acentuando a importância dela para a redenção do espírito humano. 


Afirma o Mestre: " não julgueis para não serdes julgados" (Mt. 7:1); "Com a medida com que medirdes sereis medidos" (Mt. 7:2);
"Todo o que comete pecado, é escravo do pecado" (Jo. 8:34),
"Se perdoarmos as ofensas recebidas, Deus igualmente perdoará os nossos erros"(Mt. 6:14-15).
Em suma: " E o que quereis que vos façam os homens, isso mesmo fazei vós a eles" (Lc. 6:31).

Ao pensar e agir, o homem liberta forças e fica sujeito ao retorno delas, nesta ou em outra vida, provará o fel ou o mel que fez o outro beber, todavia, a aplicação da lei no nível espiritual é relativa porque a mesma "vontade" pode, noutra ocasião, agir em sentido contrário e atenuar o choque mediante a libertação de novas forças, agora positivas.


Não temos o poder de extinguir os efeitos da volta sobre nós, mas podemos modifica-los se mudarmos de rumo, e atuarmos noutra direção com esse intuito.

Sem o conhecimento da reencarnação, teríamos uma noção completamente nula das relações de causa e efeito. É ela que permite encadear as ações de uma vida para a outra, fazendo que sofra o indivíduo o que fez outro sofrer antes. Logo, ação e reação, além de importante lei física, é relevante lei moral; rege as relações inter-humanas e ensina ao espírito como atuar e progredir.

Regula ainda o livre-arbítrio; a liberdade existe antes de agirmos, após o lançamento do ato, ficamos sujeitos às conseqüências.

Nossas vidas são misturas de alegrias e sofrimentos em proporções variadas. " A cada um segundo as suas obras" disse Jesus.

É ainda o mesmo princípio; quem foi insaciável provará a miséria; quem muito cuidou de si, passará solidão; quem violou será violado; se alguém perdeu um braço pôr nossa causa, perderemos um braço também; se caluniamos, lidaremos com a calúnia.

As dívidas com a Lei podem ser atenuadas pelo bom procedimento e os resgates reduzidos, de modo que o interessado não fique apenas submetido à cobranças, mas tenha também oportunidade de adquirir méritos pelo trabalho ativo no bem e pelo sofrimento valorosamente suportado.

Um indivíduo que matou outro, noutra vida para obter vantagens, estará em situação adequada para ser morto, noutra vida. Se porém, modificou-se intimamente e provou sua nova condição interior através da assistência a sofredores, virá ao mundo resgatar o seu crime pôr meio de uma doença, digamos , uma lesão valvular no coração, que o fará sofrer e, finalmente, desencarnar. Mudando o criminoso, não se faz necessário o episódio sangrento. A misericórdia Divina quer a transformação moral do homem e não o seu sacrifício sem o motivo consistente.

Um débito poderá ser classificado dessa forma:
  • Estacionário- quando a vida passa sem mudança de atitude íntima; a pessoa carrega um fardo de dívidas de uma existência para a outra até que a lei tome providências drásticas , como nascer paralítico, cego, sem braços etc.;
  • Resgate interrompido- quando o sujeito abandona a situação em que está e mete-se em nova complicação, como abandonar a família legal e formar outra;
  • Aliviado- se a ação positiva for encetada na liquidação da dívida;
  • Dívida expirante- se o sujeito liquida o erro sem cometer outros;
  • Dívida agravada- quando o interessado repete o erro anterior, geralmente ampliando-o na vida atual dobrando o débito;
  • Resgate coletivo- em grupo, todos com a mesma dívida.

Dessa maneira, é fácil perceber que, após conquistarmos a coroa da razão, de tudo se nos pedirá contas no momento oportuno, mesmo porque não há progresso sem justiça na aferição de valores.

Qualquer sombra de nossa consciência jaz impressa em nossa vida até que a mácula seja lavada pôr nós mesmos, com o "suor do trabalho ou com o pranto da expiação"

Quando a nossa dor não gera novas dores e nossa aflição não cria aflições naqueles que nos rodeiam, nossa dívida está em processo de encerramento.

Quanto mais amplitude em nossos conhecimentos, mais responsabilidade em nossas "ações". 

Através de nossos pensamentos, palavras e atos, que nos fluem, invariáveis do coração, gastamos e transformamos constantemente as energias do Senhor, em nossa viagem evolutiva nos setores da experiência; e de nossas intenções e aplicações, nos sentimentos e práticas da marcha, a vida organiza em nós mesmos, a nossa conta agradável ou desagradável ante as Leis do Destino...

Vivemos tempos difíceis, cuide bem de sua vida, seus atos e seus entes-queridos. Supliquemos a Jesus que nos conceda forças para a vitória !

Fonte: www.espirito.org

http://despertardegaia.blogspot.com/


...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou do post ? Comente !

O visitante tem liberdade para se expressar sobre os temas ou assuntos publicados neste Blog, porém não serão aceitos:

1. Comentários considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante;

2. Comentários que, por sua publicação repetitiva, tenham a intenção de “boicotar” o tema em foco;

3. Comentários referentes a artigos reproduzidos de outras fontes e direcionados aos autores, bem como não serão reencaminhados à fonte original, sempre citada no blog.

4. Comentários contendo Links promocionais de sites ou blogs. E-mails pessoais, telefones de contato.

5. Comentários Anônimos.

Tentarei responder seu comentário mediante disponibilidade de tempo.

Obrigado ! Paz e Luz em Gaia

...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

♥ Postagens Recentes

♥ Postagens Populares

Comentários Recentes


X Files - Maravilhoso e Atemporal - Assista, clique:

Alienígenas do Passado - Todas Temporadas Assista, clique: